Separação e destino dos diferentes tipos de resíduos

Separação e destino dos diferentes tipos de resíduos

É sempre importante saber como separar o seu lixo. Em cada cidade, há pontos de coleta seletiva, de descarte de eletrônicos, pilhas e baterias e até quem colete o seu resíduo orgânico compostável.

A eCycle possui uma ferramenta ótima para ajudar a encontrar os pontos de coleta de cada tipo de lixo por região. Entre no site deles, escolha o tipo de resíduo, informe o CEP e veja os resultados no mapa.

Se você tem dúvidas sobre como separar os seus resíduos, confira esse manual criado pelo Instituto Lixo Zero Brasil:

 

Manual de separação de resíduos

 

Você pode consultar o site da eCycle para saber para onde encaminhar o seu lixo e aqui vão também algumas dicas de coleta em São Paulo, cidade onde moro:

Recicláveis

Há diversos pontos de coleta seletiva da prefeitura espalhados pela cidade. São os PEV (pontos de entregas de recicláveis), aqueles containers verdes e enormes, um para cada tipo de material. Você leva seu lixo reciclável separado em vidro, plástico, metal e papel e deposita cada um no container correspondente. Este mapa feito pela SP Cidade Gentil e disponibilizado neste artigo mostra onde estão os pontos em São Paulo.

A coleta seletiva domiciliar é o caminhão que passa recolhendo os resíduos em frente à sua casa como o caminhão de lixo normal. Você precisa apenas juntar o lixo reciclável e limpo na sacolinha verde de recicláveis e deixar na lixeira até duas horas antes da coleta. Não precisa separa plásticos, vidros, etc. Em São Paulo, essa coleta é feita pela Loga (você pode consultar regiões e horários aqui) e pela Ecourbis (regiões e horários aqui).

Os Ecopontos da prefeitura também recebem recicláveis, além de entulho de construção, móveis e objetos maiores.

E há inúmeras estações privadas, como as do Pão de Açúcar, da Quitanda e da Leroy Merlin.

Compostáveis

O lixo orgânico compostável pode ser tratado em casa. Neste post, tem o passo-a-passo para fazer uma composteira caseira e você também pode comprar a sua online, como no site da Morada da Floresta.

Há também uma série de iniciativas com a seguinte proposta: você faz uma assinatura, elas deixam um container com você, que você enche com os resíduos compostáveis. Periodicamente, elas recolhem o cheio e deixam um vazio.  E algumas ainda te entregam adubo, mudinhas ou sementes em troca, como a Ciclo Limpo, em Botucatu, ou a Ciclo Orgânico, no Rio.

Lixo Eletrônico

Este mapeamento, disponibilizado pelo G1 em abril de 2018, contém alguns pontos de coleta de lixo eletrônico. Certamente ainda se pode encontrar muitos outros que não estão no mapa. Eu, por exemplo, frequento o Parque Mário Covas e sei que lá há ponto de coleta também.

E também existem cooperativas que coletam seu lixo eletrônico em casa, algumas até gratuitamente. Quando me mudei e quis fazer uma limpeza geral, separei teclados, mouses, cabos, celulares antigos e até um computador quebrado e agendei com a Coopermiti. Há outras semelhantes também como a Sucata Digital, Eco ComputadoresEcoassist e a Recycare. Vale dar uma pesquisada pra saber qual atende sua região.

Perigosos

Existe uma lei que, entre outras coisas, determina que a responsabilidade do ciclo de vida do produto é também do fabricante. Por isso, obriga que a indústria ofereça uma infra-estrutura de logística reversa e receba de volta do consumidor os seus próprios produtos e faça o descarte adequado. Para o descarte de resíduos perigosos, essa é a melhor opção: devolvê-los ao fabricante.

Descarte de baterias e pilhas

Baterias e pilhas precisam ser descartadas em coletas específicas, por causa da presença de metais pesados em seu interior, que são extremamente prejudiciais ao meio-ambiente e à nossa saúde.

Você pode enviá-las de volta para o fabricante ou então encontrar um ponto de coleta específico. Muitos dos pontos de coleta do Pão de Açúcar possuem um container especial para pilhas e baterias. A Vivo também recebe baterias de celulares (além dos próprios aparelhos e acessórios) em suas lojas e a Leroy Merlin possui estações de coleta seletiva, incluindo de pilhas e baterias.

Descarte de medicamentos

Além de contaminarem o solo e a água, eles também representam um risco seríssimo à saúde das pessoas e animais que, eventualmente, possam ter contato com seu lixo. O programa Descarte Consciente conta com diversos pontos de coleta em farmácias, como a Droga Raia, e você pode checar os endereços no site deles.

Descarte de lâmpadas

As lâmpadas fluorescentes e as incadescentes contêm alta concentração de metais pesados e são um perigo se descartadas incorretamente. No processo correto, elas são descontaminadas e suas partes separadas para reciclagem adequada. As de LED, que já não utilizam metais pesados, também terão as partes separadas para reciclagem.

Envie-as de volta ao fabricante ou descarte-as em uma das estações de coleta seletiva da Leroy Merlin.

Dá um pouco mais de trabalho, sim, separar e encaminhar para o descarte adequado cada tipo de resíduos. Mas não há dúvidas de que é um ótimo negócio para a saúde do planeta e para a nossa. E, depois que vira hábito, você nem pensa mais no trabalho a mais.

Foto de capa:  Jilbert Ebrahimi.